reflexões de um ser perdido

maio 12, 2008

A constante falta de algo é tão evidente
que chegamos a confundir com sentimentos comuns
Somos todos parte de uma mesma história
e temos também os mesmos propósitos
Quais ? eu não sei
Mas podemos descubrir se quizessemos
Talvez o grande segredo é querer
Querer amar, e ser amado
Querer crescer, e se tornar maduro
Querer saber, e cada vez mais aprender
Querer evoluir, querer compreender
Querer ensinar, e se tornar um sábio
Querer educar, e ser um mestre
Querer é poder, e poder é querer
Quando o véu do mistério ser retirado de nossas pupilas
Quando todos os seres resolverem se unirem e confraternizarem
Quando os anéis de saturno nos saudar
Quando o sol (ou os sóis) resolver realmente brilhar
Assim será o grande dia
Pode ser chamado de arrebatamento se quizer
ou Juízo final ou fim dos tempos
Pode talvez ser o dia que preencheremos o vazio
que nos segue desde o ínicio de nossa trajetória
E poderemos seguir com o desfexo da nossa história
Lembre-se “Querer é poder, e poder é querer”…