Uma questão para perdoar …

outubro 31, 2008

Batatas na mochila…

O professor pediu para que os alunos levassem batatas e uma bolsa de plástico para a aula.
Durante a aula ele pediu para que separassem uma batata para cada pessoa de quem sentiam mágoas, escrevessem os seus nomes nas batatas e as colocassem dentro da bolsa.

Algumas das bolsas ficaram muito pesadas.
A tarefa consistia em, durante uma semana, levar a todos os lados a bolsa com as batatas. Naturalmente a condição das batatas foi se deteriorando com o tempo.
O incômodo de carregar a bolsa, a cada momento, mostrava-lhes o tamanho do peso diário que a mágoa ocasiona, bem como o fato de que, ao colocar a atenção na bolsa, para não esquecê-la em nenhum lugar, os alunos deixavam de prestar atenção em outras coisas que eram importantes para eles.

Esta é uma grande metáfora do preço que se paga, todos os dias, para manter, a dor, a bronca e a negatividade. Principalmente quando damos importância aos problemas não resolvidos ou às promessas não cumpridas, nossos pensamentos enchem-se de mágoa, aumentando o estresse e roubando nossa alegria. Perdoar e deixar estes sentimentos irem embora é a única forma de trazer de volta a paz e a calma.

Então vamos jogar nossas batatas fora e exalar um belo Perfume…

 (autor desconhecido)

On the Topic

    Uma pessoa muito especial contou este texto para mim e achei muito interessante, ele relata com um certo impacto o fato de nossos problemas serem como batatas. Batatas com o tempo ficam podres, exalam um cheiro insuportável, e pesam, e os nossos problemas são assim também; podres, insuportáveis e pesam.
    A mágoa vem do latim MACULA , e representa sentimentos de desgosto, amargura, tristeza e ressentimento. E em muitas vezes pode se notar a mágoa na face da pessoa. É um sentimento ruin, que deteriora o ego do ser humano, nos deixa com receio, e acaba nos privando do melhor que a vida pode oferecer.
Uma frase muito interessante de William Shakespeare traduz muito bem o que quero dizer; “Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra.”
E literalmente é isso, pois quem sai perdendo é quem quarda toda essa mágoa, e não devemos deixar que este sentimento domine nossa alma. Quando uma erva-daninha está preste a acabar com a sua vegetação; você para para ver o resultado, ou você corta o mal pela raiz ?
Li também uma frase interessante dita pela grande artista Frida Kahlo, e ela disse o seguinte; “Bebo para afogar as mágoas. Mas as danadas aprenderam a nadar !” A frase que foi citada acima é um exemplo de quando se quer remediar o mal com o próprio mal, e é lógico que esta não é a solução, pois agrava ainda mais a resolução do problema.
    Portanto seja forte, pois como disse Mahatma Gandhi; “O fraco jamais perdoa, o perdão é característica do forte”, e somente você é responsável pelo seus atos, não existe nínguem e nada em quem colocar nossas culpas. Me lembro de quando li que sacrificavam bodes para repugnar os pecados, ou seja, criaram a expressão “bode expiatório“, para que tivessemos quem culpar, assim como criaram … etc.
    Temos que saber reconhecer nossos erros, saber perdoar, não alimentar de sentimentos que não faz bem para nossa vida, o responsável pela a qualidade da sua vida é você mesmo. Primeiro tente entender a situção, depois procure dentro de você a resolução, e não há nada melhor do que perdoar, isto te fará forte, e você se livrará de todo peso que uma mágoa (mal resovida) pode te atrapalhar.

Por Fábio Santos

Anúncios

Mais um selo !!! Melhores de 2008

outubro 29, 2008

And the Oscar goes to…

Mais um reconhecimento na blogosfera, desta vez o reconhecimento partiu de uma novata a Renata do blog REGGANATA, no qual trata de assuntos do cotidiano e curiosidades.
Como de costume, devemos expor o selo, e divulgar os nossas indicações;
Em meio á tantos blogs bons, fica difícil indicar, pois sempre acabo me esquecendo de alguém;

Os melhores de 2008 na visão do FÁBIO SANTOS são;

Eliara Santos  (Blog de uma amiga especial, escreve com maestria)
Acayra do Deserto (Blog pessoal mas de assuntos do cotidiano)
All Things (Blog de diversos termos interessantes, séries e moda masculina)
Cintya Nogueira (Blog pessoal das peripécias da Cyntia, um blog curioso)
Critica Construtiva (Blog sobre diversos assuntos, tem como evidência o rock n’ roll)
Não ser ou Ser  (Um Blog feito para pessoas inteligente, que gostam de pensar)
Conectou  (Blog de diversas curiosidades, tem de tudo um pouco. Um versátil blog)

Estas foram minhas indicações, segundo o próprio regulamento, indiquem no mínimo 05 blog !!!

Thanks for coming to my show blog !


Momento para refletir

outubro 28, 2008

O Vendedor de Balões

Era uma vez um velho homem que vendia balões numa quermesse.

Evidentemente, o homem era um bom vendedor, pois deixou um balão vermelho soltar-se e elevar-se nos ares, atraindo, desse modo, uma multidão de jovens compradores de balões.

Havia ali perto um menino negro.
Estava observando o vendedor e, é claro apreciando os balões.

Depois de ter soltado o balão vermelho, o homem soltou um azul, depois um amarelo e finalmente um branco.

Todos foram subindo até sumirem de vista.

O menino, de olhar atento, seguia a cada um.

Ficava imaginando mil coisas…

Uma coisa o aborrecia, o homem não soltava o balão preto.

Então aproximou-se do vendedor e lhe perguntou:

– Moço, se o senhor soltasse o balão preto, ele subiria tanto quanto os outros?

O vendedor de balões sorriu compreensivamente para o menino, arrebentou a linha que prendia o balão preto e enquanto ele se elevava nos ares disse:

– Não é a cor, filho, é o que está dentro dele que o faz subir.

Anthony de Mello 

On the Topic

Estava pensando em postar algo reflexivo. Estou em um momento de muita reflexão, pois a cada vez que observo o próximo, percebo que não se tem a mínima preoculpação. Atitudes são ações (atos), e devem (ou pelo menos deveriam) ser pensados antes de qualquer atitude.
Será que nunca ninguém parou para pensar que somos um, que por mais que nos rotulem, continuamos os mesmo em nossas essência, nascemos com as mesmas habilidades para pensar e aprender, e que deveriamos lutar por uma igualdade, e não para nos distanciar ainda mais uns dos outros.
É estranhos notar tantas diferenças em pessoas até mesmos próximas, é questão de caratér, índole, compaixão.
Cada vez mais é criança “caindo de prédio”, ex-namorados sequestrando suas ex, crianças passando fome e sem nenhum cuidado básico, mães que não se preoculpam com seus filhos, pais que esquecem o papel de educador, família que são corrompidas e passam a competir quem tem mais…
As pessoas estão esquecendo que tudo isso esta acontecendo por uma falta de reflexão, nossos atos de hoje refletiram o futuro, pois os atos do passado estamos sentindo hoje.

Por Fábio Santos

==========================21 anos depois 

Pesquisando nas excelentes ferramentas do WordPress, descobri quem em Agosto ganhei mais um selo, só agora fui descobrir !!! Aliás, eu não tinha entendido.
O selo é um incentivo, na verdade é um reconhecimento, e quando você escreve para um público, e este público partipa comentando (diretamente ou indiretamente), é um reconhecimento de que aquelas horas elaborando, criando, “caçando” temas bons, não foram em vão.
O blog que me indicou, é um blog muito curioso e se chama  Mulheres Impossíveis, e foi uma honra receber este mais novo selo.

E como já é de costume, irei indicar blogs que estão nos requisitos da proposta do próprio selo.
Os blogs indicados, são, sem duvida nenhuma  100 dúvida, 100 igual, 100sacional…

Eliara Santos
Acayra do deserto
Estrondo  
VersãoZero

São blogs únicos e diferentes em seus conteúdos, abordo desde cotidiano á tecnologia.


25 de outubro…

outubro 24, 2008

21 Anos se passaram
E o que eu aprendi ?

Aprendi que ser respeitado, é saber respeitar,
Que ser lembrado, e fazer a diferença.
Aprendi que é preciso arriscar para uma hora acertar,
Que ser amado é saber amar com sinceridade.
Aprendi que família pode ser unida,
Que a união pode no ensinar.
Aprendi que as diferenças são necessárias,
Que é preciso ouvir o coração.
Aprendi que a vida tem valor,
Que nós somos culpados pelos nossos atos.
Aprendi que posso conquistar,
Que nada pode ser impossível.
Aprendi quem é o verdadeiro Deus,
Que o perdão nos faz crescer.
Aprendi a lutar com minhas próprias mãos,
Que a ignorância pode nos cegar.
Aprendi a pensar,
Que agir antes de fazer.
Aprendi a planejar o futuro,
Que logo será hoje.
Aprendi que o amor é necessário,
Que o ódio só nos regride.
Aprendi á aprender,
Que o querer é poder.

Post: Fábio Santos

Parabens para mim, estou feliz e realizado, e saibam que nunca esquecerei de todos aqueles que colaboraram tanto direto, ou indiretamente, pois a minha felicidade é resultado de uma luta, de varios tropeços, mas hoje a minha vida esta estabilizada, mente equilibrada, amigos de verdade, familia, tudo que um ser humano precisa para ser feliz eu tenho !!!

Abraços á todos
E obrigado ao amor da minha vida*


outubro 21, 2008

“A família é como a varíola: a gente tem quando criança e fica marcado para o resto da vida.” (Jean-Paul Sartre)

 

Família é sempre família, quem não tem lembranças do passado, ora boas ora ruins, mas todo tem. Eu, em particular tenho várias, desde da reunião dos primos disputando no mega-drive o mortal Kombat, comprando aquele pirulito “piroscópico”, os clicletes “bolin-fruta” em formato de frutas, o chocolate “surpresa”, o tamagoshi (“bichinho virtual, no qual eu tive um ET !?), um teclado (que sempre alguém da família tinha que ter) o som de festa protagonizado pelos eternos “Mamonas Assassina”. enfim, são lembranças que ficaram no passado, e colaboraram para se tornar eterna lembranças.

Estou reflexivo, já que sábado (25/10) completo meus 21 anos, e agradeço a família que tenho (inclusive aquela que Mega drive (tec Toy)me acolheu), faço de todas as pessoas que me ajudaram uma família, e sou muito feliz por isso. Depois de tantas turbulências no ano passado, eu finalmente vou comemorar meu aniversário com a casa cheia, muita música, muito bolo,e os pãos de queijo que eu tanto adoro(é, sei que é estranho em uma festa de aniversário), e não pode faltar os “BEIJINHOS” e “BRIGADEIROs”, )pois qual é a festa de aniversário que não tem docinhos.

Na verdade, muitos que eu queria que estivessem presente, não poderão vir, mas sei que de alguma forma estarão presente.
Minha festa era para ser surpresa, mas não se consegue enganar um escorpiano chato, um fanático por Sherlock Holmes, e descobri a surpresa (que á esta altura, não é mais surpresa), inclusive descobri meu presente.

Pela caixa, prateada, fechada com uma fita preta, logo pensei: “deve ser a triologia do Matrix, ou dos Senhor dos Áneis, ou quem sabe aquele box com os melhores episódios da minha séria favorita Arquivo-X…),  pois sempre ganho dvds, gosto muito de filmes, e sempre ganho ou compro dvds, se vou fazer compras; lá vai o Fábio procurar seus dvds de terror…
Em qualquer oportunidades estou comprando os benditos dvds, e alimentando este vício. Mas amor é amor ! Pois conseguiu me surpreender, faz tempo que não ganhava livros, e ganhei a biografria autorizada de ninguém menos que a… Madonna, escrita por sua fã Lucy O’ Brien. Tenho uma apreciação pelo trabalho de Madonna, ela inspira a qualquer um que queira alcançar determinado sucesso, para ela os obstáculos ficam tão pequenos (e isso ninguém pode negar), e é possível tranferir isso para nossa vida particular, seja ma vida social, financeira e até mesmo emocional.

E isso é tudo pessoal, e como diz uma amiga em especial; “Obrigado pela audiência”.
Tenham uma ótima semana, e lembre-se de se preoculpar com o futuro, esse papo de viver o presente não dá certo não, pois o presente logo será o passado.

Por Fábio Santos


Hey You – Pink Floyd

outubro 18, 2008

Ei você,
Aí fora no frio
Ficando sozinho, ficando velho
Você pode me sentir?Ei você,
De pé no corredor
Com pés sarnentos e sorriso fraco
Você pode me sentir?

Ei você,
Não os ajude a enterrar a luz
Não se entregue sem lutar

Ei você,
Aí fora na sua
Sentado nu ao telefone
Você me tocaria?

Ei você,
Com o ouvido contra o muro
Esperando alguém chamar
Você me tocaria?

Ei você,
Você me ajudaria a carregar a pedra?
Abra seu coração, estou indo para casa

Mas era apenas fantasia
O muro era muito alto, como você pode ver
Não importa o quanto ele tentasse, ele não poderia se libertar
E os vermes comeram seu cérebro

Ei você,
Aí fora na estrada
Fazendo o que te mandam
Você pode me ajudar?

Ei você,
Aí fora além do muro
Quebrando garrafas no corredor
Você pode me ajudar?

Ei você,
Não me diga que não há nenhuma esperança
Juntos nós resistimos, separados nós caimosMomento reflexão, Pink Floyd é ótimo para meditar sobre atitude e comportamento humano.
Um ótimo final de semana á todos, que não deixem enterrar as luzes (e comentar também).

Por Fábio Santos


..:: Ignorância Humana ::..

outubro 16, 2008

Hoje me deparei com esta imagem o tanto quanto chamativa, já que minha vida está uma correria, lendo muito, escrevendo muito, administranto a minha vida. 
Em mais um dia neste Planeta (já que meus amigos ficaram com vergonha de vir me buscar antes de ontem), um joystick foi encontrado nos fios de telefonia e da rede que ilumina a Rua dr. Sérgio Meira, no numéro 230, na Barra Funda (Zona Oeste). O interessante é que nesta fiação, parece ser comum encontrar “bonecas amarradas com pedras”, “tênis” e até mesmo “pneus de bicicletas na ponta dos postes,etc..

Com qual propósito jovens (se forem jovens ?!) praticam atos de vandalismo como este citado acima, seria chamar a atenção da sociedade, pois não é comum ver um controle “pendurado no fio de rede elétrica”, ou uma boneca descabelada. Lembrando que este ato é prejucial a população (já que se trata de um item eletrônico), pois poderá causar danos á distribuição de energia ou telefonia etc…
Confesso que achei interessante a imagem, um artigo do passado (sendo esquecido em plena metropólis), a passagem do passado ao futuro, a infância esquecida por uma adolescência precoce, acho melhor parar pois estou viajando nas batatinhas (ou é porque EU  TIVE UM IGUAL)…

Um ótimo final de semana á todos
E desejem sempre o bem ao próximo ( e muita sorte para mim).

Por Fábio Santos