Despertando do coma ,Carlos Pereira

março 31, 2010

Terry Wallis foi notícia no mundo inteiro porque abriu os olhos novamente depois de dezenove anos em estado de coma após sofrer um acidente de carro, nos Estados Unidos. Fato raro, segundo a Medicina, uma vez que a freqüência comum de reavivamento é de três meses. Terry acordou do longo sono bastante humorado. Primeiro falou com a mãe, depois pediu a terapeuta para fazer amor com ele. Outro caso interessante ocorreu com Patricia White Bull, uma bailarina que durante o parto de seu quarto filho desacordou para somente recobrar a consciência dezesseis anos depois, exatamente no natal de 1999. Embora a ciência tenha avançado bastante sobre o mecanismo de funcionamento do cérebro, especialmente nesta última década, não conseguiu desvendar o mistério para casos como estes de Terry Wallis e Patricia Bull. Não conseguiu porque ainda não levou em consideração a tese do princípio espiritual que anima cada ser vivente.

O ser humano não é tão-somente um animal racional, é, sobretudo, um ser espiritual que recebe um corpo de carne para passar por experiências de aprendizado no planeta Terra.  Para ligar o espírito ao corpo físico existe um corpo específico, semimaterial, que encontra várias denominações como corpo bioplasmático, perispírito, corpo astral etc. A morte somente acontece quando as ligações do corpo físico com este corpo espiritual se efetiva. Um paciente em estado de coma mantém estes laços de vitalidade sem tempo determinado para desligamento. Por isso, a terminologia mais adequada para configurar este fenômeno seria a desencarnação, isto é, a ação de saída do corpo de carne. A miopia científica, porém, para as questões espirituais, faz atrasar os avanços necessários para o tratamento integral do ser humano.

Um paciente, em estado de coma, está presente no local onde seu corpo fica paralisado, presenciando o que ocorre ao seu redor ou em qualquer lugar, a semelhança do que atestam as pessoas que passaram por experiências de quase-morte. Se familiares, amigos ou médicos conversarem com o paciente podem ter a certeza que ele terá condições de ouvir e ver, sem, contudo, ter a capacidade de dar a resposta. Pode até aparecer normalmente em sonhos, pois quem está aprisionado na cama é o corpo e não o espírito. Mas, qual a razão para alguém passar tanto tempo ausente do mundo? Pode-se afirmar que cada caso é um caso, e compreendendo a Lei Divina como perfeita, é certo que aquela experiência deva servir de resgate de débitos cármicos provocados por ele noutras vidas.

O desaviso sobre a realidade espiritual pode, também, nos casos de coma profundo por longo período, levar ao raciocínio de abreviação dos sofrimentos do paciente e provocar a eutanásia. O termo eutanásia, proposto pelo filósofo Francis Bacon, em 1623, vem do grego, podendo ser traduzido como boa morte ou morte apropriada e teve a Holanda como o primeiro país do mundo a legalizá-la, em 2001. A eutanásia é outro equívoco. Equívoco porque parte do pressuposto de que a vida pertence à pessoa. A vida, na verdade, pertence a Deus que permite a cada um de nós usufruí-la para a nossa felicidade, não devendo ninguém abreviar a sua ou a de qualquer um, seja qual for a justificativa.

O sono profundo que necessitamos despertar é o da inconsciência daquilo que realmente somos. Acordar para a dimensão do espírito e vivermos em consonância com ela, modificando nossa forma de pensar e conseqüentemente de agir, sobretudo com os outros, sob a perspectiva da vida futura e da imortalidade que nos é inerente.

Carlos Pereira é presidente da Associação de Divulgadores do Espiritismo de Pernambuco, a ADE-PE.
Fonte:http://www.espirito.org.br/portal/artigos/diversos/reencarne/despertando-do-coma.html

Off-topic

Jessica e seu fruto Giovanna! Te amamos muito

Bom, no momento estou sem muitas palavras, ,mas com FÉ!
Minha irmã passa por um estagio critico, porém, importante para a evolução dela, um periodo de auto-conhecimento.Peço só que concentrem energias positivas, pois estou com saudades já, e respeito as atitudes de Deus, só ele sabe o que deve ser feito. seja qual for a escolha de Deus, será reaproveitado de alguma maneira para cada um de nós. Meu coração está com você minha irmã, te amo do fundo do meu coração, e saiba que estou do seu lado á cada segundo !

Sem mais,
Fábio Santos


Anúncios

Reflexão de um pleidiano II

agosto 23, 2008

Energia que tudo move.

Por Fábio Santos

 

Por tanto tempo o homem teve seus momentos de progredir, mas tudo o que se vê grande desordem mundial.

Acredito que a palavra deus é insuficiente para resumir o que realmente significa esta soberana força que tudo rege. Nossas vidas sempre são marcadas por grandes acontecimentos ,sejam eles bons ou ruins, pessoas que nos  fazem bem acrescentam valores em nossa história, e pessoas que nos fizeram e desejaram mal acabam involuntariamente colaborando para nosso mecanismo de superação, ou seja, a vida é transitória para nosso crescimento pessoal.

Na nossa esfera existem energias que regem, e uma maneira clara de entender isso é imaginar o dia e a noite, o quente e o frio, o sol e a lua, o ar e o vento, etc. Energia é o que do movimento, motiva a ação, sendo assim você se move e concretiza o que deseja, seja para o bem ou para o mal. Muitas pessoas insistem em não progredir, em ficar se alimentando de energias alheias (se você pensa que vampiros não existem esta enganado), estamos sempre vulneráveis á essas tais energias.

Muitos questionam minha religião;

 

Fábio Santos você é espírita? Você é bruxo? Você é um druida? Você é católico ou evangélico? Etc e assim vai…

 

Não costumo dizer a qual religião pertenço, já que fui um pouco de tudo, aliás, eu não”fui” um pouco de tudo, e sim busquei conhecimentos necessários para saber o que é e o que pensa cada religião. Hoje tenho a concepção de que devemos amar incondicionalmente e não julgar, pois o que vejo são rótulos, e eu não sou um produto em uma prateleira para ter rótulos, enquanto devemos nos ajudar e discernir a verdade, ficamos preocupados pelo o que o outro é e pensa, nunca evoluiremos se não haver a aniquilação deste sentimento imundo que é o ato de julgar. Ás pessoas quando querem te convencer de que estão certas sempre usam o dedo de saturno (o indicador) em sua direção, sendo assim liberando uma energia de grandeza, para o convencer de que esta certo, comece a repara nesta simples leitura corporal, passamos dia a dia “jorrando energias” ás vezes em vão.

 

Repare como sua mãe ensinou o seu irmão á não respondê-la de maneira agressiva, ela apontava continuamente o seu dedo indicador contra seu rosto./ Lembre-se da primeira vez que seu chefe te chamou a atenção. Isso é linguagem corporal, isso é uma maneira simples de liberar “energias”.

 

Temos que se preocupar  constantemente com o nosso hoje e também o nosso amanha, certa hora na volta do meu trabalho em direção a minha casa , estava pensando sobre planejar, qual era uma maneira simples de anexar a palavra “Planejar” com a nossa vida cotidiano, nosso futuro só é incerto quando não há planejamento, então;

 

“Planejar é favorecer o futuro” o futuro esta mais perto do que parece estar. Por faltar planejamento é que o mundo se encontra neste estado.

Mas como posso “planejar meu futuro ?

 

1.      Gerencie seus pensamentos
Comece a  trabalhar sua mente de forma produtiva, lembre-se de alimentar seu ego com conhecimentos, pois quem tem conhecimento não tem limite, pense em coisas boas, que te inspiram (a casa do sonho, o trabalho que deseja exercer na sociedade ,etc.).

2.      Não perca tempo
Estudar é a chave do sucesso, não se contente com um assunto. Procure abranger vários assuntos, compartilhe, pois assim haverá trocas de informações, lembre-se que nossa mente é ilimitada, nunca será excesso demais “pra cabeça”.

3.      Trace metas
Pense nos “porquês” da vida, para cada meta estabeleça vários motivos, não viaje demais, mas também não almeje pouca coisa. As metas que aqui descrevo se dá á todas ás áreas da vida, seja ela pessoal ou até mesmo profissional.

4.      Faça o impossível virar possível
É necessário  você saber o quão importante você é, e também do que é capaz, crescemos com uma idéia limitada do que é o mundo, através de falsas promessas e esperanças aprendemos á nos enjaular, sendo assim fechando nossos olhos para as possibilidades reais.

5.      O fim será apenas o início
Não estamos aqui para nada, tudo na natureza têm os seus propósitos, assim como as nossas vidas, você tem a opção de deixar uma historia baseada em superação ou uma vida vazia marcada por desgraças…?

 

O quero dizer é que somos responsáveis pelos nossos atos, não adianta culpar os outros, e nem criar demônios para atribuir a culpa de algo que falhou, a partir do momento em que assumimos os nossos erros, contribuímos para nosso progresso, conhecendo nossos erros, nos tornamos aptos á superar nossos obstáculos.

Você é manipulado pelas mídias somente se quiser, você compra o creme dental daquele comercial somente porque quer, ninguém manda em nossa vida, e nem em nossa mente, temos o livre arbítrio de fazer com nossa vida o que bem entendermos. Sua historia esta em suas própria mãos.

 

Por Fábio Santos

Este texto é de autoria do autor  de Fábio Santos, caso haja interesse em futura publicação, favor contatar anteriormente.