Mensagem de George Carlin para você !

dezembro 31, 2009

Nós bebemos demais, gastamos sem critérios. Dirigimos rápido demais, ficamos acordados até muito mais tarde,
acordamos muito cansados, lemos muito pouco, assistimos TV
demais e raramente estamos com Deus.

Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.

Nós falamos demais, amamos raramente, odiamos
freqüentemente.

Aprendemos a sobreviver, mas não a viver; adicionamos anos
à nossa vida e não vida aos nossos anos.

Fomos e voltamos à Lua, mas temos dificuldade em cruzar a
rua e encontrar um novo vizinho. Conquistamos o espaço, mas
não o nosso próprio.

Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores.

Limpamos o ar, mas poluímos a alma; dominamos o átomo,
mas não nosso preconceito; escrevemos mais, mas aprendemos
menos; planejamos mais, mas realizamos menos.

Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.

Construímos mais computadores para armazenar mais
informação, produzir mais cópias do que nunca, mas nos
comunicamos cada vez menos.

Estamos na era do ‘fast-food’ e da digestão lenta;
do homem grande, de caráter pequeno; lucros acentuados e
relações vazias.

Essa é a era de dois empregos, vários divórcios, casas
chiques e lares despedaçados.

Essa é a era das viagens rápidas, fraldas e moral
descartáveis, das rapidinhas, dos cérebros ocos e das
pílulas ‘mágicas’.

Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na
dispensa.

Uma era que leva essa carta a você, e uma era que te
permite dividir essa reflexão ou simplesmente clicar
‘delete’.

Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas
não estarão aqui para sempre.

Lembre-se dar um abraço carinhoso em seus pais, num amigo,
pois não lhe custa um centavo sequer.

Lembre-se de dizer ‘eu te amo’ à sua companheira(o)
e às pessoas que ama, mas, em primeiro lugar, se ame…
se ame muito.

Um beijo e um abraço curam a dor,
quando vêm de lá de dentro.

Por isso, valorize sua Família e as pessoas que estão ao
seu lado, sempre

FELIZ ANO NOVO!!!


Objetivo: Saiba o seu alvo.

janeiro 14, 2009

Momento para refletir, momento para amar, momento para ir trabalhar, momento para se alimentar, momento para se exercitar… temos momentos para tudo, e assim a vida vai passando, cada segundo, cada minuto, cada hora…. e onde você chegou ?

A definição mais clara de “Objetividade“, é traçar onde e quando você quer alcançar o seu próposito. Traçar um objetivo é pensar em possibilidades, é ter audácia de conquistar o seu sonho, seja qual seja este sonho (emprego, imóvel, família, marido, etc).

O Ser Humano vive em função de recompensa, é isso mesmo o que você leu, desde muito cedo aprendemos a reagir a uma ação conforme a recompensa. Mas isso não é exclusividade não, nos animais também funciona deste modo (principalmente nossos primos Macacos !).

Vivemos em função de uma recompensa também (alías, de várias) ! É por este motivo que há tanta competitividade entre os funcionários, entre amigos, e até mesmo entre familiares. Mas não se esqueça da honestidade, da humildade e fatores que enobrecem o ser humano (o que os torna um diferencial na sociedade) , ter empatia e controlar o espírito competidor.

Muitos vivem e trabalham e conquistam seus sonhos por méritos, pois não desistiram fácil do seu “alvo“, estudaram e planejaram meios para “encurtar” o trajeto (espero que de maneira honesta).
Mas outros são bloqueados, e não correm atrás deste ideal, ficam satisfeitos com qualquer coisa, e são exatamente estes que não progridem, e passarão a vida toda se lastimando, dizendo-se “pobre“, “não estudado“, “não teve oportunidade“….mas ao fim sabemos que todos são aptos á alcançar uma posição satisfatoria na vida, e o que nos diferencia uns dos outro é a força de vontade, lembre-se que somos iguais, nascemos com o mesmo cerébro, e a diferença está no desenvolvimento pessoal, nos meios que a pessoa usou para desenvolver suas habilidades para com a vida.

NÃO SE LIMITE A PENSAR EM REALIZAR ALGO. TENHA A CONVICÇÃO DE QUE CONSEGUIRÁ REALIZÁ-LO.

 

A palavra possui força misteriosa. Mentalizando sempre “Eu consigo”, você adquire a convicção de conseguir, e isso lhe possibilita alcançar realmente o seu objetivo. O ser humano nem sempre consegue realizar tudo o que pretende, mas infalivelmente realiza aquilo que tem a convicção de ser capaz de fazer.
Do livro A Cartilha da Vida, vol. 2 – Masaharu Taniguchi
 
 

Como sugere o grande mestre Taniguchi, temos que acreditar em nossas competências, mover forças para concretizar nossos sonhos.
Sonhos continuarão sendo sonhos se você nada fazer.
Tenha mais auto-confiança, tenha compaixão com a vida, agradeça á tudo que esta ao seu redor, entusiasme-se,  pois quando você esta bem com o seu Deus Interior, facilita na concretização do caminho que tanto você busca.

E aí, qual é o seu alvo ? E por que continua aí parado ?

Por Fábio Santos
(não copiar sem a prévia do autor)


Você têm princípios ?

novembro 6, 2008

   O dias passam devagar, mas ás vezes me deparo em frente ao espelho e percebo o quanto o tempo já passou ! Você já parou para pensar sobre quantas coisas mudaram em sua vida ? Percebeu como as crianças cresceram ? Perceberam que a cidade está mais “cheia” ? Percebeu que você não é mais o mesmo ?
   Anos passam e anos vem, e antes o que era uma confraternização de fim de ano com a família; só é memória agora, lembranças do frescor de uma vida sem compromisso, sem as responsábilidades que a vida exige. Me lembro como se fosse ontem, as músicas tocadas, as refeições, ás brincadeiras que não vemos mais, adorava brincar de “polícia, detetive e ladrão”, “pega-vareta”, mímicas, entre outras coisas de criança feliz. Passavamos a manhã na escola, admiravamos os adultos (ás vezes queriamos até imitá-los), chegavamos em casa e era brincadeira o dia inteiro. Lembro até mesmo dos programas da época (com a qualidade extinta da televisão aberta), tinhamos “Rá-tin-Bum”, “Castelo Rá-tin-bum”, “Glub-Glub”,”Familia Dinossauro”, o meu desenho preferido “Scooby-Doo”, “X-tudo”, “O mundo de Beackman”, e muito e muitos outros.
    E comparando o passado que tenho medo do futuro, já não se vê crianças brincando de forma natural e sem compromisso, o que vejo são meninas “querendo ser mulher”, garotos que já mostram sinal de machismo e “competição antecipada”. E tudo isso a troco de quê ? Crianças estão tendo suas infâncias roubadas, a cidade cresceu, todos estão trabalhando cada vez mais (o custo de vida está cada vez mais alto), e como consequência vemos crianças sendo educadas pela televisão, ou então pela internet (o que ainda mais pior, devido a facilidade de acesso á materiais impróprios).
    Temos que lutar para oferecer uma vida melhor para quem amamos, a vida abrange aqueles que á acompanham, mas não devemos esquecer nossos príncipios, pois a nossa vida deve ter “regras”, temos que impor “limites”, sendo assim preservamos a essência do verdadeiro amor acessa, pois quanto mais passa o tempo, mais esta chama ameaça apagar. Se você buscar respostas para sua vida, você terá, mas primeiro deve procurar, não se limite á pensar, a resgatar seus princípios, e também para vivê-lo itensamente. Ame e cuide de que você ama como se fosse um cristal, lapidando com extrema cautela, pois qualquer risco pode se tornar uma cicatriz. Comece a refletir sobre o futuro, planeje sua vida, traçe objetivos, tudo o que é feito com amor é válido para preparar o seu futuro. Faça do momento que você tem disponível, um momento único, se reserve para ler, debater, amar, assistir um bom filme, entre muitas outras coisas agradáveis que você possa fazer. Cuidado com as palavras que você diz hoje, ela não serão boas lembranças, e também não serão favoráveis no futuro, cuidados com a programação venenosa que estamos vivenciando com a televisão brasileira, se preoculpe com a qualidade das informações que você está permitindo entrar em sua casa.

Viva com intensidade, viva com amor, não se limite ao querer o bem daquele que você tanto  ama.

Por Fábio Santos


Momento para refletir

outubro 28, 2008

O Vendedor de Balões

Era uma vez um velho homem que vendia balões numa quermesse.

Evidentemente, o homem era um bom vendedor, pois deixou um balão vermelho soltar-se e elevar-se nos ares, atraindo, desse modo, uma multidão de jovens compradores de balões.

Havia ali perto um menino negro.
Estava observando o vendedor e, é claro apreciando os balões.

Depois de ter soltado o balão vermelho, o homem soltou um azul, depois um amarelo e finalmente um branco.

Todos foram subindo até sumirem de vista.

O menino, de olhar atento, seguia a cada um.

Ficava imaginando mil coisas…

Uma coisa o aborrecia, o homem não soltava o balão preto.

Então aproximou-se do vendedor e lhe perguntou:

– Moço, se o senhor soltasse o balão preto, ele subiria tanto quanto os outros?

O vendedor de balões sorriu compreensivamente para o menino, arrebentou a linha que prendia o balão preto e enquanto ele se elevava nos ares disse:

– Não é a cor, filho, é o que está dentro dele que o faz subir.

Anthony de Mello 

On the Topic

Estava pensando em postar algo reflexivo. Estou em um momento de muita reflexão, pois a cada vez que observo o próximo, percebo que não se tem a mínima preoculpação. Atitudes são ações (atos), e devem (ou pelo menos deveriam) ser pensados antes de qualquer atitude.
Será que nunca ninguém parou para pensar que somos um, que por mais que nos rotulem, continuamos os mesmo em nossas essência, nascemos com as mesmas habilidades para pensar e aprender, e que deveriamos lutar por uma igualdade, e não para nos distanciar ainda mais uns dos outros.
É estranhos notar tantas diferenças em pessoas até mesmos próximas, é questão de caratér, índole, compaixão.
Cada vez mais é criança “caindo de prédio”, ex-namorados sequestrando suas ex, crianças passando fome e sem nenhum cuidado básico, mães que não se preoculpam com seus filhos, pais que esquecem o papel de educador, família que são corrompidas e passam a competir quem tem mais…
As pessoas estão esquecendo que tudo isso esta acontecendo por uma falta de reflexão, nossos atos de hoje refletiram o futuro, pois os atos do passado estamos sentindo hoje.

Por Fábio Santos

==========================21 anos depois 

Pesquisando nas excelentes ferramentas do WordPress, descobri quem em Agosto ganhei mais um selo, só agora fui descobrir !!! Aliás, eu não tinha entendido.
O selo é um incentivo, na verdade é um reconhecimento, e quando você escreve para um público, e este público partipa comentando (diretamente ou indiretamente), é um reconhecimento de que aquelas horas elaborando, criando, “caçando” temas bons, não foram em vão.
O blog que me indicou, é um blog muito curioso e se chama  Mulheres Impossíveis, e foi uma honra receber este mais novo selo.

E como já é de costume, irei indicar blogs que estão nos requisitos da proposta do próprio selo.
Os blogs indicados, são, sem duvida nenhuma  100 dúvida, 100 igual, 100sacional…

Eliara Santos
Acayra do deserto
Estrondo  
VersãoZero

São blogs únicos e diferentes em seus conteúdos, abordo desde cotidiano á tecnologia.


25 de outubro…

outubro 24, 2008

21 Anos se passaram
E o que eu aprendi ?

Aprendi que ser respeitado, é saber respeitar,
Que ser lembrado, e fazer a diferença.
Aprendi que é preciso arriscar para uma hora acertar,
Que ser amado é saber amar com sinceridade.
Aprendi que família pode ser unida,
Que a união pode no ensinar.
Aprendi que as diferenças são necessárias,
Que é preciso ouvir o coração.
Aprendi que a vida tem valor,
Que nós somos culpados pelos nossos atos.
Aprendi que posso conquistar,
Que nada pode ser impossível.
Aprendi quem é o verdadeiro Deus,
Que o perdão nos faz crescer.
Aprendi a lutar com minhas próprias mãos,
Que a ignorância pode nos cegar.
Aprendi a pensar,
Que agir antes de fazer.
Aprendi a planejar o futuro,
Que logo será hoje.
Aprendi que o amor é necessário,
Que o ódio só nos regride.
Aprendi á aprender,
Que o querer é poder.

Post: Fábio Santos

Parabens para mim, estou feliz e realizado, e saibam que nunca esquecerei de todos aqueles que colaboraram tanto direto, ou indiretamente, pois a minha felicidade é resultado de uma luta, de varios tropeços, mas hoje a minha vida esta estabilizada, mente equilibrada, amigos de verdade, familia, tudo que um ser humano precisa para ser feliz eu tenho !!!

Abraços á todos
E obrigado ao amor da minha vida*


outubro 21, 2008

“A família é como a varíola: a gente tem quando criança e fica marcado para o resto da vida.” (Jean-Paul Sartre)

 

Família é sempre família, quem não tem lembranças do passado, ora boas ora ruins, mas todo tem. Eu, em particular tenho várias, desde da reunião dos primos disputando no mega-drive o mortal Kombat, comprando aquele pirulito “piroscópico”, os clicletes “bolin-fruta” em formato de frutas, o chocolate “surpresa”, o tamagoshi (“bichinho virtual, no qual eu tive um ET !?), um teclado (que sempre alguém da família tinha que ter) o som de festa protagonizado pelos eternos “Mamonas Assassina”. enfim, são lembranças que ficaram no passado, e colaboraram para se tornar eterna lembranças.

Estou reflexivo, já que sábado (25/10) completo meus 21 anos, e agradeço a família que tenho (inclusive aquela que Mega drive (tec Toy)me acolheu), faço de todas as pessoas que me ajudaram uma família, e sou muito feliz por isso. Depois de tantas turbulências no ano passado, eu finalmente vou comemorar meu aniversário com a casa cheia, muita música, muito bolo,e os pãos de queijo que eu tanto adoro(é, sei que é estranho em uma festa de aniversário), e não pode faltar os “BEIJINHOS” e “BRIGADEIROs”, )pois qual é a festa de aniversário que não tem docinhos.

Na verdade, muitos que eu queria que estivessem presente, não poderão vir, mas sei que de alguma forma estarão presente.
Minha festa era para ser surpresa, mas não se consegue enganar um escorpiano chato, um fanático por Sherlock Holmes, e descobri a surpresa (que á esta altura, não é mais surpresa), inclusive descobri meu presente.

Pela caixa, prateada, fechada com uma fita preta, logo pensei: “deve ser a triologia do Matrix, ou dos Senhor dos Áneis, ou quem sabe aquele box com os melhores episódios da minha séria favorita Arquivo-X…),  pois sempre ganho dvds, gosto muito de filmes, e sempre ganho ou compro dvds, se vou fazer compras; lá vai o Fábio procurar seus dvds de terror…
Em qualquer oportunidades estou comprando os benditos dvds, e alimentando este vício. Mas amor é amor ! Pois conseguiu me surpreender, faz tempo que não ganhava livros, e ganhei a biografria autorizada de ninguém menos que a… Madonna, escrita por sua fã Lucy O’ Brien. Tenho uma apreciação pelo trabalho de Madonna, ela inspira a qualquer um que queira alcançar determinado sucesso, para ela os obstáculos ficam tão pequenos (e isso ninguém pode negar), e é possível tranferir isso para nossa vida particular, seja ma vida social, financeira e até mesmo emocional.

E isso é tudo pessoal, e como diz uma amiga em especial; “Obrigado pela audiência”.
Tenham uma ótima semana, e lembre-se de se preoculpar com o futuro, esse papo de viver o presente não dá certo não, pois o presente logo será o passado.

Por Fábio Santos


Morador de rua teve 40% do corpo queimado.

outubro 9, 2008

Injustiça, falta de punição será que são as peças que faltam na nossa sociedade ?!

 São situações como estas acima que passamos no Brasil, país no qual é rico, mas a maior população é pobre, um país que é líder em diversos setores de exportação, mas que passa fome e sofre com a falta de atenção. A política do Brasil é suja, pois muita coisa errada acontece, falta índole, isso por que estamos em plena candidatura de um novo Prefeito. 
O que mais me icomoda no Brasil é a falta de punição, pessoas estão soltas por aí, prestes á cometer os mesmos erros (pois não há a resstruturação na educação), pedófilos que cometem monstruosidades, assassinos sem medo da justiça, mas… por que ter medo de algo que é tão falho (para não dizer que não existe !).

Há uma parcela em nossa sociedade que são pessoas que lutam para mudar o nosso quadro atual. No lixo do Planalto, há sempre uma alma iluminada e disposta a pregar mudanças. Mas não podemos deixar que a grande parcela continue com essa vida sem lei, sem medo algum de uma justiça falha,  me entristece saber que a única preoculpação que o preoculpação tem, é ser rico, é ganhar dinheiro, etc…

Como eu sempre digo, a educação começa em nossa própria casa, onde educamos e preparamos nossos filhos para o futuro, mas a família brasileira está tão distante, que tal educação acaba vindo da rua ou das escolas…

Indignação com o que o ser humano é capaz de fazer por “diversão”. Mas a vida é justa (embora ás vezes achamos que não), tudo o que é feito é devolvido , a vida recicla valores e atitudes, e cada um de nós somos responsáveis pela vida que levamos, é lógico que têm pessoas que exercem uma responsábilidade maior perante a sociedade, e é aí que está o prejuízo !!! Ou quem sabe um dia…  

… a solução.

 

Por Fábio Santos