Homem sobrevive a parada cardíaca e 18 minutos sem respirar

abril 13, 2010

"Ele morreu em meus braços", disse a esposa. "Eu disse adeus e disse que o amava." - 18 minutos depois ele "ressuscitou.Imagem: BBC

Ressurreição

Um homem de 31 anos, que sobreviveu a uma parada cardíaca e passou 18 minutos sem respirar, voltou para casa neste domingo em Newport, no País de Gales

De acordo com médicos, uma pessoa normalmente consegue sobreviver até quatro minutos depois que para de respirar, no caso de uma parada cardíaca. Depois disso, a probabilidade maior é de que ela morra ou sofra sequelas.

Mas Rob Waggett sobreviveu ao incidente sofrendo apenas perda da memória para fatos recentes.

Babá para o marido

Ele havia ido dormir cedo, num domingo à noite, com sintomas de gripe quando, duas horas depois, sua mulher, Dianna, percebeu – por uma babá eletrônica – que ele estava tendo dificuldades de respirar.

Ao chegar ao quarto, Dianna viu o marido dar o último suspiro, se despediu dele e ligou para os serviços de emergência, que a orientaram a tentar ressuscitá-lo com massagem cardíaca.

“Ele morreu em meus braços”, disse ela ao jornal local South Wales Argus. “Eu disse adeus e disse que o amava.”

Milagre do desfibrilador

A mulher chamou um vizinho para ajudá-la e, quatro minutos depois, a ambulância chegou à casa deles. Os paramédicos usaram desfibriladores para dar choques no paciente seis vezes.

Na sétima tentativa, 18 minutos depois de ter parado de respirar, ele voltou a buscar ar.

Waggett, pai de dois filhos, foi internado em um hospital após o incidente, onde passou três dias em coma induzido.

Os médicos advertiram Dianna que ele provavelmente sofreria sequelas se sobrevivesse nas próximas 48 horas.

“Comecei a me sentir de luto porque achei que não havia esperança, não sabia o que ia dizer para meus dois filhos pequenos”, disse Dianna.

Recuperação da memória

Quando seu marido acordou, Waggett não reconheceu a mulher, que montava vigília ao seu lado, o que foi considerado normal pelo fato de seu cérebro ter ficado sem alimentação de oxigênio por tanto tempo.

Mas no dia seguinte, entretanto, ele acordou e perguntou às enfermeiras: “Por que minha mulher está dormindo no chão?”.

Aos poucos, Waggett, funcionário do governo local, começou a recuperar suas memórias mais antigas e três dias depois estava pronto para se encontrar com seus filhos.

Nunca desistam

Os médicos do hospital universitário de Wales, em Cardiff, instalaram um marcapasso nele, mas ainda não identificaram as causas do ataque cardíaco.

Eles disseram a Dianna que o coração de Rob Waggett permaneceu “tremendo” por um tempo quatro vezes maior do que o normal após a parda cardíaca, dando aos paramédicos tempo suficiente para salvá-lo.

“Estou extremamente agradecida aos paramédicos por continuarem tentando”, disse Dianna, que explicou que o marido não fumava e vive uma vida saudável.

“Eles não apenas salvaram a vida do Rob, mas também a minha e as das crianças.”

Fonte:BBC

Off Topic

Por isso que digo minha irmã; “você é nova, tem muita coisa ainda para viver”. Deus e os nossos conselheiros do pano espiritual estão com você!
Tenho , tenho ESPERANÇA, e sei que tudo em nossa vida há um propósito, e confio nos desígnios e vontade de Deus, ele sabe o que faz, e temos que nos conscientizar das nossas atitudes do hoje, pois só somos o reflexo do nosso passado, lembrando que Deus nós dá a oportunidade de alcançarmos a sabedoria.

Estou triste, muito triste com algumas pessoas, com sua atitude egocêntrica, mas não podemos intervir na evolução do próximo, pois ao final das contas, estamos aqui para crescer e progredir, é uma pena que nem todos aproveitam as oportunidades que Deus nos coloca à disposição. Não há nada pior no mundo que um amor renegado, isso faz parte a demência humana, pois há pessoas que procuram amor nos lugares errados, achando que serão consoladas nos maus momentos, MAS É UM TREMENDO ENGANO, pois o egoísmo só leva o ser humano á solidão, e depois que o LEITE FOI DERRAMADO não há o que mais reivindicar! Esquecemos o quão misericordioso é Deus com os nossos erros, mas mesmo assim não sabemos dar o devido valor, e ainda achamos no direito de reclamar pela a situação que encontram as nossas vidas.

Mas permaneço na esperança de um sol em meio a tempestade, e a minha irmã me traz muitas boas lembranças, infância, briga de irmãos, travessuras, segredos, etc.
Estou e estarei ao seu lado sempre, pois no meu coração o seu lugar é garantido, e o que eu puder fazer, estou fazendo, e Deus esta co-agindo com nossa .

Jéssica te amo, nunca se esqueça disso!

Por Fábio Santos

Anúncios

Despertando do coma ,Carlos Pereira

março 31, 2010

Terry Wallis foi notícia no mundo inteiro porque abriu os olhos novamente depois de dezenove anos em estado de coma após sofrer um acidente de carro, nos Estados Unidos. Fato raro, segundo a Medicina, uma vez que a freqüência comum de reavivamento é de três meses. Terry acordou do longo sono bastante humorado. Primeiro falou com a mãe, depois pediu a terapeuta para fazer amor com ele. Outro caso interessante ocorreu com Patricia White Bull, uma bailarina que durante o parto de seu quarto filho desacordou para somente recobrar a consciência dezesseis anos depois, exatamente no natal de 1999. Embora a ciência tenha avançado bastante sobre o mecanismo de funcionamento do cérebro, especialmente nesta última década, não conseguiu desvendar o mistério para casos como estes de Terry Wallis e Patricia Bull. Não conseguiu porque ainda não levou em consideração a tese do princípio espiritual que anima cada ser vivente.

O ser humano não é tão-somente um animal racional, é, sobretudo, um ser espiritual que recebe um corpo de carne para passar por experiências de aprendizado no planeta Terra.  Para ligar o espírito ao corpo físico existe um corpo específico, semimaterial, que encontra várias denominações como corpo bioplasmático, perispírito, corpo astral etc. A morte somente acontece quando as ligações do corpo físico com este corpo espiritual se efetiva. Um paciente em estado de coma mantém estes laços de vitalidade sem tempo determinado para desligamento. Por isso, a terminologia mais adequada para configurar este fenômeno seria a desencarnação, isto é, a ação de saída do corpo de carne. A miopia científica, porém, para as questões espirituais, faz atrasar os avanços necessários para o tratamento integral do ser humano.

Um paciente, em estado de coma, está presente no local onde seu corpo fica paralisado, presenciando o que ocorre ao seu redor ou em qualquer lugar, a semelhança do que atestam as pessoas que passaram por experiências de quase-morte. Se familiares, amigos ou médicos conversarem com o paciente podem ter a certeza que ele terá condições de ouvir e ver, sem, contudo, ter a capacidade de dar a resposta. Pode até aparecer normalmente em sonhos, pois quem está aprisionado na cama é o corpo e não o espírito. Mas, qual a razão para alguém passar tanto tempo ausente do mundo? Pode-se afirmar que cada caso é um caso, e compreendendo a Lei Divina como perfeita, é certo que aquela experiência deva servir de resgate de débitos cármicos provocados por ele noutras vidas.

O desaviso sobre a realidade espiritual pode, também, nos casos de coma profundo por longo período, levar ao raciocínio de abreviação dos sofrimentos do paciente e provocar a eutanásia. O termo eutanásia, proposto pelo filósofo Francis Bacon, em 1623, vem do grego, podendo ser traduzido como boa morte ou morte apropriada e teve a Holanda como o primeiro país do mundo a legalizá-la, em 2001. A eutanásia é outro equívoco. Equívoco porque parte do pressuposto de que a vida pertence à pessoa. A vida, na verdade, pertence a Deus que permite a cada um de nós usufruí-la para a nossa felicidade, não devendo ninguém abreviar a sua ou a de qualquer um, seja qual for a justificativa.

O sono profundo que necessitamos despertar é o da inconsciência daquilo que realmente somos. Acordar para a dimensão do espírito e vivermos em consonância com ela, modificando nossa forma de pensar e conseqüentemente de agir, sobretudo com os outros, sob a perspectiva da vida futura e da imortalidade que nos é inerente.

Carlos Pereira é presidente da Associação de Divulgadores do Espiritismo de Pernambuco, a ADE-PE.
Fonte:http://www.espirito.org.br/portal/artigos/diversos/reencarne/despertando-do-coma.html

Off-topic

Jessica e seu fruto Giovanna! Te amamos muito

Bom, no momento estou sem muitas palavras, ,mas com FÉ!
Minha irmã passa por um estagio critico, porém, importante para a evolução dela, um periodo de auto-conhecimento.Peço só que concentrem energias positivas, pois estou com saudades já, e respeito as atitudes de Deus, só ele sabe o que deve ser feito. seja qual for a escolha de Deus, será reaproveitado de alguma maneira para cada um de nós. Meu coração está com você minha irmã, te amo do fundo do meu coração, e saiba que estou do seu lado á cada segundo !

Sem mais,
Fábio Santos



URGENTE!!! – Caso Lucas Pereira desaparecido

março 13, 2010

Manifestação do Dr. Antonio Carlos Ratto – pai do Pequeno Lucas Pereira, ainda desaparecido

Conforme autorização em nosso poder, passamos abaixo, uma manifestação dos fatos, fornecidas pelo VERDADEIRO PAI do pequeno LUCAS PEREIRA, que permanece desaparecido, enquanto circulam e-mails falsos, com dados errados e solicitações absurdas.

O desaparecimento dessa criança, é assunto da mais alta gravidade. Além da tristeza de ter um filho sem lugar certo e nada sabido, é no mínimo cruel o que se aventa insistentemente pelas redes, numa demonstração desonesta de que quem assim o faz, quer apenas especular, ou tirar proveito de uma situação até este momento delicada e trágica!

Da redação Revista zaP! Por Elizabeth Misciasci e Sandra Domingues

Que se responsabilizam em publicar, por ser de fonte confiável, ou seja, do Pai Verdadeiro e pela idoniedade no teor da mensagem abaixo:

URGENTE!!! – Caso Lucas Pereira desaparecido



Bom dia! Tenho tentado entrar em contato com a Srª Sandra Domingues, mas confesso que tenho encontrado dificuldade, talvez pela falta de familiaridade com computadores. Portanto, me desculpem de usar este espaço para que as informações cheguem até ela. Sandra Domingues!

Meu nome é Antonio Carlos Ratto, sou pai do garoto desaparecido chamado Lucas Pereira.

Sandra, a busca continua incessante. Houve diversas denúncias e investidas da polícia, mas infelizmente não foram bem sucedidas. Enquanto eu estiver vivo, vou continuar procurando meu filho, sem medir esforços e exigindo da polícia uma postura de profissionais.

A saída da notícia da mídia foi de certa forma até proposital para verificar se com o esfriamento da notícia a pessoa ou as pessoas que estão com o meu filho pudessem mostrar a cara, mas infelizmente isto não aconteceu. Outra justificativa, Sandra, é que dói muito falar sobre o meu filho, ver sua foto em revistas, na TV, isto traz muitas lembranças e machuca muito a gente por dentro.

Confesso que estou escrevendo estas palavras com lágrimas nos olhos e o coração totalmente partido, mas a vida deve continuar, até porque tenho outros 3 filhos, minha mãe está com 80 anos e foi atropelada em São Carlos no dia 24/12/2009 e teve que amputar 3 dedos e tenho um irmão excepcional.

Sandra, o principal objetivo na minha vida é encontrar meu filho. A minha vida somente terá sentido depois que encontrá-lo. Eu não vou parar e a recompensa que fiz de R$ 60.000,00 reais continua valendo.

Lucas vai completar 6 anos em 24/12/2010 e deveria estar na escola, fazendo check up com pediatra de 6 em 6 meses, tomando suas vacinas, brincando na praia da Barra da Tijuca no Rio de Janeiro, local onde eu moro, brincando na sua piscina de nossa casa em Cabo Frio, falando, rindo, conversando. Eu nunca ouvi meu filho falar uma frase completa. Quando ele desapareceu, estava começando a falar as primeiras palavras. Sandra! O que me manteve vivo foram os outros 3 filhos e meu trabalho.

Mantive minha mente ocupada, até porque exerço uma função que exige muito de mim. Sou gerente a 32 anos de uma plataforma de prospecção de petróleo da Petrobras e essas duas coisas contribuiram muito para a minha sobrevivência. Outro fator importante é que tenho certeza que meu filho está vivo e isto me alimenta de esperanças que a qualquer momento vou receber uma ligação dizendo \”encontramos seu filho\”. Sandra. Não quero falar sobre o mãe de Lucas, nunca mais procurei, mas pelas poucas informações que recebi, ela está totalmente perdida, envolvida em drogas e em casos com a polícia. Apesar de tudo que ela fez, tentei ajudá-la internando em uma clínica particular para drogados, mas infelizmente não surtiu efeito. Não quero falar sobre a família dela para não comprometer a minha integridade física. Sandra. Quanto a minha idoneidade basta ir a São Carlos (SP) e perguntar sobre minha pessoa.

Morei lá 27 anos, estudei na USP ou ir a Petrobras, empresa onde sou engenheiro de petróleo a 32 anos. Sandra. É um desaparecimento misterioso, está complexo, não aparece um fio da meada, mas um dia se Deus quiser tudo vai ser esclarecido. Tenho minhas dúvidas quanto a competência da Polícia, mas confio nas pessoas de bem, que um dia abrirá seu coração e acabará denunciando a pessoa que fez isto e aniquilou o coração de um pai.

O mal nunca venceu o bem, por isto tenho certeza que meu filho voltará. Sandra. Muito obrigado pelo empenho na procura pelo meu filho e pela justiça. Coloco-me a disposição para qualquer contato.

Que Deus lhe proteja. Antonio Carlos Ratto (pai de Lucas)

terça-feira, 9 de março de 2010 02:49

COLUNA DE SANDRA DOMINGUES

Atualizado em 06 de março de 2010

Prezados Senhores,

ATENÇÃO: Caso Lucas Pereira

O anuncio de desaparecimento do pequeno Lucas Pereira está sendo divulgado de forma errônea, também no link:

http://www.alemtemporeal.com.br/?pag=brasil_mundo&cod=10607

Dados Errados:

Esse apelo divulgado é errado!

O pai Verdadeiro do menino Lucas Pereira é Antônio Carlos Ratto e não Laércio Garcia e mora no Rio de Janeiro e não SP.

Além disso, este telefone divulgado, não existe.

Quem tiver informações VERDADEIRAS, pode ligar para os telefones:

(16) 3374-1596 (16) 3374-1596 (DIG);
197 (Polícia Civil);
190 (Polícia Militar):
181 (Disque Denúncia)

http://www.eunanet.net/beth/caso_lucas_pereira.php

Elizabeth Misciasci – Jornalista, Humanista, Escritora, Pesquisadora. Presidente do Projeto zaP!
*Embaixadora Universal da Paz no âmbito do Círculo Universal dos Embaixadores da Paz.
Cercle Universel Des Ambassadeurs De La Paix – Suisse/France
*Membro Correspondente da Governadoria da InBrasci no Estado de São Paulo- Insti Bras Culturas Internacionais –
*Membro Efetivo AVSPE *Prêmio Frente Nacional dos Direitos da Criança
*Honra ao mérito – Clube Brasileiro da Língua Portuguesa – título Humanista Honoris Causa, em Língua Portuguesa,
em razão da excelência de sua obra a favôr dos Direitos Humanos.
*Delegada para e Estado de São Paulo (Brasil) do CEN- Intercâmbio Brasil Portugal.
*Coordenadora de imprensa do Proyecto Cultural Sur Paulista
*Indicada ao “Prêmio Clara Mil Mulheres” Nobel da Paz
*Posse dia 17 de agosto 2010 de uma cadeira vitalícia na ALB, por indicação do
Presidente da respectiva Academia Professor e Dr. Mario Carabajal.
55 (XX) 11 9677.9428.
55 (XX) 11 9677.9428
http://www.eunanet.net/beth/index.php
http://reticencias.blog-se.com.br/blog
http://www.avspe.eti.br/avspe2009/ElizabethMisciasci.htm
http://www.revistazap.org

Um exercício de compreensão

fevereiro 3, 2010



Minha mensagem será Criança encontrada após o desastre do Haiti
Não tenho mais saliva para falar.
Às vezes me falta a paciência,
Temos que encontrar forças para lutar.
Abrir os olhos para ver,
E não fingir enxergar.
Tocar e sentir,
E não fingir se incomodar.


Relacionamentos estão se desgastando,
Os valores morais se decepando.
Onde está a solidariedade humana,
Eu continuo procurando.
Estamos cada vez nos ocupando mais,
A cobiça está tomando conta de si.
Do que adianta construir castelos,
Sendo que a qualquer momento pode ruir.


Quando a matéria ficar abaixo de tudo,
O que sua alma irá carregar?
Quando o castelo ruir,
Quem irá lhe levantar?
Somos todos como um,
Então porque queremos ser mais que os outros?
Qual a razão de ter o melhor pedaço de concreto,
e ter uma vida vazia sem ninguém por perto?


Estender á mão aos que necessitam,
Não precisa estar com moedas de ouro.
Ajudar sem olhar a quem,
Doar palavras de conforto.
Abraçar sem ser quando ganhar presentes,
Descobrir o amor em seu real significado.
Querer compreender para não errar,
Aprender á ser solidário.


Por Fábio Santos 3/2/2010 20:06:25

Off Topic

Olá pessoal,

Hoje estou reflexivo em relação á solidariedade! Pois a cada dia percebo o quão distante está o Homem dos seus valores, não há mais a preocupação moral, e só se falam sobre coisas que não agregam nenhum beneficio para a sociedade. O mundo esta um caos, pois a natureza é a fonte de vida do ser humano desde o principio, até porque, se não fosse ela a vida não seria possível em nosso Planeta que se chama Terra, e abriga tantas iniqüidades. O que mais me impressiona, e que as pessoas estão expostas em meio a tanta coisa errada, mas fingem não ver, não vejo manifestação, sentimentos, “SOLIDARIEDADE”. Não menciono o fato de dar dinheiro (esmola), mas oferecer uma palavra de consolo, e principalmente “ATENÇÃO” a atitude mais simples e mais ignorada. E o problema se estende a qualquer classe, gênero, cor, etnia, etc. Sendo que somos todos iguais em essência, só temos características diferentes, condições diferente, mas em sumo partimos de um mesmo principio, mas com o tempo nos distanciamos para valores errôneos.

Até a próxima, e não se esqueçam @fabio_santos no Twitter.


Conto Inacabado

outubro 21, 2009

contoinacabado_edited-1_1024


Simples como amar

setembro 6, 2009

Nesta madrugada estou a pensar sobre as questões simples da vida, e cheguei

Carla e Danny explorando seus sentimentos.

Carla e Danny explorando seus sentimentos.

a seguinte conclusão; Nada na vida é fácil, e tudo que vem de um modo fácil se torna efêmero, portanto amor se conquista a cada dia.
Pensando nisso, lembrei de um filme de uma simplicidade imensa para explicar o que é amar.

Carla Tate é vivida pela excelente atriz e cantora Juliette Lewis, e conta com a atuação única de Giovanni Ribisi interpretando o par romântico Danny McMann e tem direção do Garry Marshall.
Carla e Danny têm deficiência mental, porém descobrem juntos o amor em sua forma mais simples, embora sua mãe Elizabeth Tate (Diane Keaton) tenta de todas as formas corromper este relacionamento, enfatizando o ato do preconceito. Porém com o tempo ela vai aceitando a ídeia diante da determinação de Carla, e acaba conseguindo  morar sozinha em um apartamento, e posteriormente casando-se (de sua forma) com Danny.

Momento em que a mãe se preoculpa com "certos assuntos" com Tate.

Momento em que a mãe se preoculpa com "certos assuntos" com Tate.

O filme é de uma sensibilidade única, alternando em uma comédia sem málicia,romance sincero e mesclando com um assunto sério.
O  que mais me impressiona ao assistir o filme, é perceber os obstáculos que colocamos em nossa frente, dos limites que nós mesmos criamos, sendo assim, dificultamos o desenvolvimento de um sentimento maior.
Simples como Amar (The other Sister) é um filme que faz você refletir sobre o amor, aquele amor que você julga impossível, e derrepente você percebe que as coisas podem ser mais simples do que parecem, simples como amar !

Por Fábio Santos

Alison Krauss – When You Say Nothing At All

Off Topic

Pois é galera, sou fanático por filmes de terror (suspense, sci-fi, drama etc), mas também tenho coração (!) E este é um dos pouco filmes românticos que eu realmente gosto e recomendo ! Acredito que muitos devem estar confusos imaginando se estão no blog certo, mas uma coisa eu digo, este ser vos escreve também ama !!!

Um abraço á todos e obrigado pela visita e comentem, estou ancioso para ler a repercussão que isso irá causar…

Este texto não deve ser copiado sem a repectiva autorização do autor.

Gripe “A” bastande didático.

agosto 8, 2009

GRIPE SUÍNA

PERGUNTA RESPOSTA
1.- Quanto tempo dura vivo o vírus suíno numa maçaneta ou superfície lisa? Até 10 horas.
2. – Quão útil é o álcool em gel para limpar-se as mãos? Torna o vírus inativo e o mata.
3.- Qual é a forma de contágio mais eficiente deste vírus? A via aérea não é a mais efetiva para a transmissão do vírus, o fator mais importante para que se instale o vírus é a umidade, (mucosa do nariz, boca e olhos) o vírus não voa e não alcança mais de um metro de distancia.
4.- É fácil contagiar-se em aviões? Não, é um meio pouco propício para ser contagiado.
5.- Como posso evitar contagiar-me? Não passar as mãos no rosto, olhos, nariz e boca. Não estar com gente doente. Lavar as mãos mais de 10 vezes por dia.
6.- Qual é o período de incubação do vírus? Em média de 5 a 7 dias e os sintomas aparecem quase imediatamente.
7.- Quando se deve começar a tomar o remédio? Dentro das 72 horas os prognósticos são muito bons, a melhora é de 100%
8.- De que forma o vírus entra no corpo? Por contato ao dar a mão ou beijar-se no rosto e pelo nariz, boca e olhos.
9.- O vírus é mortal? Não, o que ocasiona a morte é a complicação da doença causada pelo vírus, que é a pneumonia.
10.- Que riscos têm os familiares de pessoas que faleceram? Podem ser portadores e formar uma rede de transmissão.
11.- A água de tanques ou caixas de água transmite o vírus? Não porque contém químicos e está clorada
12.- O que faz o vírus quando provoca a morte? Uma série de reações como deficiência respiratória, a pneumonia severa é o que ocasiona a morte.
13.- Quando se inicia o contagio, antes dos sintomas ou até que se apresentem? Desde que se tem o vírus, antes dos sintomas..
14.- Qual é a probabilidade de recair com a mesma doença? De 0%, porque fica-se imune ao vírus suíno..
15.- Onde encontra-se o vírus no ambiente? Quando uma pessoa portadora espirra ou tosse, o virus pode ficar nas superfícies lisas como maçanetas, dinheiro, papel, documentos, sempre que houver umidade. Já que não será esterilizado o ambiente se recomenda extremar a higiene das mãos.
17.- O vírus ataca mais às pessoas asmáticas? Sim, são pacientes mais suscetíveis, mas ao tratar-se de um novo germe todos somos igualmente suscetíveis.
18.- Qual é a população que está atacando este vírus? De 20 a 50 anos de idade.
19.- É útil a máscara para cobrir a boca? Existem alguns de maior qualidade que outros, mas se você não está doente é pior, porque os vírus pelo seu tamanho o atravessam como se este não existisse e ao usar a máscara, cria-se na zona entre o nariz e a boca um microclima úmido próprio ao desenvolvimento viral: mas se você já está infectado use-o para não infectar aos demais, apesar de que é relativamente eficaz.
20.- Posso fazer exercício ao ar livre? Sim, o vírus não anda no ar nem tem asas.
21.- Serve para algo tomar Vitamina C? Não serve para nada para prevenir o contagio deste vírus, mas ajuda a resistir seu ataque.
22.- Quem está a salvo desta doença ou quem é menos suscetível? A salvo não esta ninguém, o que ajuda é a higiene dentro de lar, escritórios, utensílios e não ir a lugares públicos.
23.- O virus se move? Não, o vírus não tem nem patas nem asas, a pessoa é quem o coloca dentro do organismo.
24.- Os mascotes contagiam o vírus? Este vírus não, provavelmente contagiem outro tipo de vírus.
25.- Se vou ao velório de alguém que morreu desse vírus posso me contagiar? Não.
26.- Qual é o risco das mulheres grávidas com este vírus? As mulheres grávidas têm o mesmo risco mas por dois, podem tomar os antivirais mas em caso de de contagio e com estrito controle médico.
27.- O feto pode ter lesões se uma mulher grávida se contagia com este vírus? Não sabemos que estragos possa fazer no processo, já que é um vírus novo.
28.- Posso tomar acido acetilsalicílico (aspirina)? Não é recomendável, pode ocasionar outras doenças, a menos que você tenha prescrição por problemas coronários, nesse caso siga tomado.
29.- Serve para algo tomar antivirales antes dos síntomas? Não serve para nada.
30.- As pessoas com AIDS, diabetes, câncer, etc., podem ter maiores complicações que uma pessoa sadia se contagiam com o vírus? SIM.
31.- Uma gripe convencional forte pode se converter em influenza? NAO.
32.- O que mata o vírus? O sol, mais de 5 dias no meio ambiente, o sabão, os antivirais, álcool em gel.
33.- O que fazem nos hospitais para evitar contágios a outros doentes que não têm o vírus? O isolamento.
34.- O álcool em gel é efetivo? SIM, muito efetivo.
35.- Se estou vacinado contra a influenza estacional sou inócuo a este vírus? Não serve para nada, ainda não existe vacina para este vírus.
36.- Este vírus está sob controle? Não totalmente, mas estão tomando medidas agressivas de contenção.
37.- O que significa passar de alerta 4 a alerta 5? A fase 4 não faz as coisas diferentes da fase 5, significa que o vírus se propagou de Pessoa a Pessoa em mais de 2 países; e fase 6 é que se propagou em mais de 3 países.
38.- Aquele que se infectou deste vírus e se curou, fica imune? SIM.
39.- As crianças com tosse e gripe têm influenza? É pouco provável, pois as crianças são pouco afetadas.
40.- Medidas que as pessoas que trabalham devam tomar? Lavar-se as mãos muitas vezes ao dia.
41.- Posso me contagiar ao ar livre? Se há pessoas infectadas e que tosam e/ou espirre perto pode acontecer, mas a via aérea é um meio de pouco contágio.
42.- Pode-se comer carne de porco? SIM pode e não há nenhum risco de contágio.
43.- Qual é o fator determinante para saber que o vírus já está controlado? Ainda que se controle a epidemia agora, no inverno boreal (hemisfério norte) pode voltar e ainda não haverá uma vacina.

Este texto foi retirado de um e-mail recebido pela minha amiga “on line” de tempos Eliara Santos !!!

off topic

É galera, essa tal de”GRIPE A” está causando pânico na sociedade. Até no meu trabalho já tem diversos recepiente com álcool em gel !!! Mas uma coisa é fato ! A mídia só tem mostrado as vítimas fatais, a quantidade de pessoas em que o quadro de evolução da gripe era avançado, e aqueles milhões de milhões que corromperam o seu desenvolvimento (Tamiflu) não tão divulgado (não gera audiência).

A sociedade deve se acalmar, e previnir é a melhor solução !!!

Tenham uma ótima semana e até a proxima …

Por Fábio Santos